Como planejar e com o que executar a limpeza do meu condomínio?

 

Para que o condomínio esteja sempre em boas condições, é importante dar atenção à limpeza de conservação das superfícies das áreas internas e externas. Essa higienização varia de acordo com a sujidade e o tráfego local e, além de necessária, promove um intervalo maior até a realização da limpeza profunda, que necessita da interdição do local e do uso de equipamentos específicos.

 

Para a limpeza de conservação das áreas externas, os detergentes neutros são os mais indicados. Já para a limpeza profunda, é necessário analisar o tipo de sujidade para que o produto correto seja aplicado. Em relação às áreas internas, um detergente neutro para a limpeza de conservação já é suficiente.

 

Apesar de não haver uma regra em relação aos períodos de limpeza, existe a necessidade da retirada imediata da sujeira para evitar sua impregnação, uma possível infiltração, ou até mesmo a deterioração da superfície de determinados pisos. Os mais porosos e sem proteção, por exemplo, carecem de mais cuidados por serem mais suscetíveis. Além disso, quando promovemos uma limpeza profunda decorrente de sujeiras impregnadas, causamos danos às superfícies internas e externas, por conta do uso de produtos químicos e do atrito mais intenso com o movimento de esfregar.

 

De um modo geral, para remover sujeiras em pó, recomenda-se o uso do mop pó para o piso e a flanela para outras superfícies. Espanador eletrostático também é aconselhado. Já para a remoção de sujeiras solúveis em água, a utilização do mop úmido é recomendada para o piso. Para as demais superfícies, recomendam-se acessórios como fibras de limpeza ou esponjas. Nas escadarias, por exemplo, a enceradeira com disco ou as fibras abrasivas de limpeza específicas para lavagens, também podem ser utilizadas.

 

Os cantos de cozinhas de salão de festas, banheiros e saunas também merecem uma atenção especial, afinal, sabemos que em superfícies úmidas existe maior proliferação de fungos. Portanto, para evitar o surgimento de bolor é necessário executar uma manutenção eficaz e periódica, sempre utilizando produtos bactericidas para reduzir o que já está ali e produtos bacteriostáticos para evitar essa proliferação.

 

Para limpar garagens ou quadras de esportes, por exemplo, recomenda-se o uso de lavadoras de alta pressão. Ao comprar um equipamento desse tipo, o condomínio reduz o custo com a água e energia, pois são equipamentos econômicos que colaboram com o meio ambiente, uma vez que estima-se que a mangueira convencional gasta 2.000 litros a mais do que uma lavadora de alta pressão, sem contar o resultado de uma limpeza mais eficiente.

 

É importante ressaltar que todos os funcionários que realizam a limpeza dos condomínios devem sempre usar o equipamento de proteção individual (EPI), composto de luvas, óculos e calçados de segurança.

Como limpar janelas e beirais

 

A limpeza nas janelas pode ser de conservação ou profunda, variando conforme a sujidade e sua impregnação. Deve ser realizada com detergente “limpa vidros” nas janelas e com detergente neutro nos beirais. Existem, também, acessórios exclusivos para o uso profissional, como o Kit Limpa Vidros para janelas, e panos específicos para limpeza de beiral.

 

Como limpar o hall

 

A periodicidade de limpeza no hall é diária quando se trata de conservação. Uma limpeza mais profunda deve ser feita conforme a quantidade de sujeira no local e, para higienizar esse ambiente, recomenda-se a utilização de detergentes neutros.

 

Como limpar a escadaria

 

A limpeza de conservação nas escadarias dos condomínios deve ser feita com detergente neutro e varia conforme o tráfego e o tipo de sujeira que ali está. Pode ser diária se houver necessidade, como por exemplo, quando há derramamento de chorume na retirada do lixo.

 

Como limpar a academia


A limpeza da academia é feita com detergente neutro e realizada todos os dias. Já para desinfetar os aparelhos de uso comum dos moradores e, assim evitar a contaminação pelo suor, por exemplo, é recomendada a utilização de desinfetantes neutros. Dessa forma, a superfície dos aparelhos não será danificada.

 

Como limpar o salão de festas

 

A limpeza deste ambiente deve ser feita com detergente neutro e em dois períodos: na véspera de sua utilização, para preparar o ambiente, e após o uso, para remoção da sujidade. No caso de uma possível impregnação de gordura em superfícies e paredes do salão de festas, o detergente neutro, por ser desengordurante, é o mais indicado na limpeza. Porém, nas superfícies em que a gordura é difícil de ser removida, o detergente alcalino de uso profissional pode ser a solução.

 

Como limpar as saunas

 

A limpeza neste ambiente é diária e feita com detergente neutro. Antes do uso para preparo do ambiente e após para a remoção da sujidade.

 

Como limpar os banheiros

 

Esses ambientes são higienizados e desinfetados com detergentes e desinfetantes neutros diariamente. Dependendo do fluxo de uso, a limpeza deve ser feita mais de uma vez por dia.

 

Ernesto Brezzi é diretor da Câmara Setorial de Prestadores de Serviços da Abralimp (Associação Brasileira do Mercado de Limpeza Profissional)