Condomínios Inteligentes: o que são e como se tornar um

Você já deve ter ouvido muito falar em condomínios inteligentes e deve ter se perguntado se apenas edifícios novos podem ser considerados inteligentes. A boa notícia que nós temos para você é que condomínios mais antigos também podem ser inteligentes, basta ser possível integrar as tecnologias na estrutura.  

O que são condomínios inteligentes? 

Os condomínios inteligentes, ou 4.0, são projetados e construídos com o objetivo de oferecer mais segurança e bem-estar para moradores e funcionários. O investimento em tecnologias proporciona facilidade na rotina das pessoas e redução nos custos do condomínio. Afinal, já se foi o tempo em que somente o porteiro era necessário para garantir tudo isso. Hoje, é preciso do auxílio da tecnologia para ter mais eficiência. 

Com o avanço da Internet das Coisas (iot) tudo girará em torno de sensores inteligentes e softwares capazes de coletar, armazenar e tratar dados por meio da internet. A Associação Brasileira de Automação Residencial e Predial estima que até 2020 o volume de dispositivos inteligentes em condomínios deve dobrar.  

Mas que dispositivos são esses? 

  • Um bom exemplo é a Torre Santander, em São Paulo, que desliga o computador do usuário quando este registra seu ponto de saída.  
  • Sistemas que podem identificar a presença de moradores nas áreas de convivência.  
  • Sensores de iluminação e climatização configurados para desligar quando faltar dez minutos para o fim do horário de funcionamento previsto na convenção.  
  • Sensores de umidade que, de acordo com o padrão estabelecido, fazem a análise do solo e podem disparar um comando automático para ativar a irrigação no momento em que realmente é necessário.  

A Internet das Coisas não permite apenas automatizar a funcionalidade dos equipamentos, mas também gerar informações sobre o funcionamento dos equipamentos e analisá-las depois. 

A tecnologia já é realidade em muitos edifícios, separamos 20 tecnologias utilizadas em condomínios inteligentes. Conheça as soluções e descubra se o seu condomínio está próximo de se tornar inteligente.