veja-5-sinais-de-que-e-necessario-melhorar-a-rotina-do-condominio

Gerenciar a rotina do condomínio é uma tarefa bastante árdua, afinal, existem muitos pontos a serem resolvidos, planejados e executados. Além disso, há muitas demandas que precisam ser ouvidas e não podem ser solucionadas imediatamente.

Nesse momento, cabe ao síndico tomar as decisões mais coerentes em cada situação. Para facilitar esse processo, uma boa solução é contratar uma equipe especializada para melhorar a rotina do condomínio. Entretanto, nem sempre é fácil identificar quando essas mudanças precisam ser aplicadas. Muitas vezes, é necessário uma visão imparcial, como a de uma administradora, para auxiliar o síndico nessa questão.

Pensando nisso, elaboramos este post para que você saiba reconhecer os principais sinais que indicam a necessidade de melhorias. Confira!

1. Falta de organização

Uma organização falha é o alicerce de todos os problemas condominiais. Então, é imprescindível que você resolva esse ponto antes de partir para as próximas soluções. Por isso, procure criar regras para as principais tarefas administrativas, como controle de finanças e outros assuntos relacionados ao dia a dia do prédio.

2. Comunicação ineficiente

As reclamações e demandas que chegam até você são reduzidas significativamente se você investir em uma comunicação clara e objetiva que alcance todos que fazem parte do condomínio. Portanto, é essencial contar com uma boa comunicação para melhorar a vida cotidiana e tornar os residentes o mais felizes possível com seu trabalho.

3. Déficit nas contas

Esse é outro indicativo da necessidade de melhorar a rotina do condomínio. Trata-se de um problema que pode ser causado por inúmeros fatores, como desatenção do setor administrativo.

Assim sendo, é muito importante que todas as cobranças sejam pagas no prazo, para que o condomínio não desvalorize e mantenha sua qualidade de infraestrutura e serviços.

Além disso, o pagamento pontual ajuda a manter a saúde financeira do seu condomínio, pois as contas em atraso precisam ser pagas com juros, dificultando o planejamento financeiro. Para tornar isso possível, tente combinar receita com gastos, organizar contas a pagar e, se necessário, renegociar dívidas.

4. Alta rotatividade dos funcionários

A confiança é a base de qualquer relacionamento humano e é construída com o tempo. Nesse sentido, é relevante se concentrar na manutenção de funcionários de longo prazo em seu condomínio. Além da confiança, a convivência diária com os moradores e questões relacionadas à rotina do condomínio proporcionarão aos colaboradores de longa data maior eficiência em relação aos novos.

Mas, para que isso aconteça, deve haver uma via de mão dupla, ou seja, o funcionário deve mostrar seu valor e importância à administração do condomínio e esta, por sua vez, deve valorizá-lo, respeitando seu trabalho e cumprindo as obrigações contratuais.

5. Aumento da inadimplência

A inadimplência é um problema sério em muitos condomínios e, infelizmente, vem crescendo com a atual crise econômica, pois muitos proprietários ainda não veem a taxa mensal como algo importante e acabam deixando essa obrigação em segundo plano.

Para resolver esse problema, é importante consultar empresas especializadas visando estudar a melhor solução. O diálogo deve ser considerado como a primeira tentativa e, só depois de se esgotarem os recursos, partir para a via judicial.

Esses são os maiores sinais de que você precisa melhorar a rotina do condomínio. Para conseguir contornar esses problemas, mantenha os documentos e as finanças do condomínio organizados, use uma comunicação objetiva, mantenha um bom relacionamento com os funcionários e preste atenção na inadimplência.

Além disso, é válido contar com a ajuda de uma administradora de condomínios como a Embracon, que oferece soluções completas para ajudar o síndico na gestão de tempo e a viabilizar as melhorias.

Gostou deste conteúdo? Então, entre em contato com a Embracon Condomínios e veja como podemos ajudar!